Uma força invisível que deveria mudar o mundo.

Uma força invisível que deveria mudar o mundo: A história do descobridor do Éter Atômico

Compartilhe esta matéria...

A energia deste éter é ilimitada e difícil de compreender – estas palavras de John EW Keeley, um inventor que afirmou ter descoberto uma tecnologia revolucionária, que podia ter inaugurado uma nova era.

Infelizmente, sua descoberta nunca foi posta em prática, e o próprio Keeley foi vítima de perseguição e morreu no esquecimento.

Em entrevista ao The New York Times, Keeley descreve sua descoberta revolucionária de uma forma simples:

“Se jogarmos fora todos os termos técnicos, o processo se resume a isto: tomo água e ar, dois meios com gravidade específica diferente, e produzem efeito sob a influência de vibrações que liberam éter Inter atômico e água do ar.”

O inventor afirmou que “a energia deste éter é ilimitada e difícil de entender”, e sua gravidade específica é cerca de quatro vezes menor que a gravidade específica do hidrogênio.

As origens de Keeley eram humildes

John Worrell Keely em seu escritório.
John Worrell Keely em seu escritório.

Ele nasceu perto da Filadélfia, ficou órfão ainda jovem e foi criado pelos avós. Ele trabalhou em muitas profissões, de carpinteiro a artista de circo, mas nunca recebeu educação científica formal. Mas o seu tempo como mecânico forneceu-lhe a base para as suas teorias radicais – e cerca de 2.000 máquinas.

Em 1874, um ano depois de ter descoberto a teoria do éter Inter atômico, Keeley apresentou um protótipo inicial a uma pequena multidão na Filadélfia.

Ele falou sobre o poder da água, sugerindo que um trem de 30 vagões poderia viajar da Filadélfia a Nova York a uma milha por minuto, transportando tanta água quanto você pudesse segurar na mão. O Gerador de Éter certamente parecia perfeito. Se você derramasse água da torneira nele, criaria uma pressão de 10.000 PSI, transformando a água em vapor e fornecendo energia para os carros próximos.

Keeley Motor Company

Máquina de energia éter 1878; Foto de Dale Pond.
Máquina de energia éter 1878; Foto de Dale Pond.

Dez anos depois, Keeley deu ao mundo uma pistola a vapor – “um rifle de culatra que pesava 500 libras”, segundo o inventor. Seis gotas de água foram suficientes para disparar 20 balas pesando 150 gramas cada. A imprensa saudou a demonstração da máquina como um “grande sucesso”.

Ao longo das décadas, Keeley e sua tecnologia atraíram muitos adversários.

Havia falta de transparência, ele recusava regularmente oportunidades de comunicação com seus colegas cientistas e a Scientific American provou ser um espinho constante no sapato do inventor.

Keely em sua oficina com os diretores da Keely Motor Company.
Keely em sua oficina com os diretores da Keely Motor Company.

O artigo, intitulado “A Fraude de Keely”, previu que

“o preço das ações da sua empresa, antes muito elevado, está a começar a declinar, e em breve todos os certificados de ações lindamente gravados encontrarão, sem dúvida, o seu caminho para os cofres dos negociantes de trapos e papel.”



Sugerimos a leitura das seguintes matérias

Inventor do Motor a Água para Veículos Morre Gritando: Eu fui envenenado!!!

Jovem inventora desenvolve mecanismo que gera energia a partir das ondas do mar

Cientistas confirmam que uma invenção de Tesla de 101 anos pode ter uso moderno



Quando o inventor morreu de pneumonia no final da década seguinte, a Scientific American visitou o laboratório de Keeley para testar suas teorias de longa data. Descobriu-se que todos os resultados de Keeley poderiam ser repetidos usando ar comprimido no aparelho apropriado.

Pouco depois da publicação do relatório, a Keeley Motor Company foi dissolvida, marcando o fim definitivo de suas máquinas de movimento perpétuo.

E assim mais um grande inventor com sua magnifica foram destruídos!

Deixe sua opinião nos Comentários!
E compartilhe com seus amigos…

Convidamos você a nos seguir em nossa página no Facebook, para ficar por dentro de todas as novidades que publicamos:

A Chave dos Mistérios Ocultos(clique ou toque para abrir)


Descubra mais sobre A Chave dos Mistérios Ocultos

Subscribe to get the latest posts sent to your email.

Andressa Dal Paz Balbinot
Curiosidades

Deixe um Comentário