Robôs poderão trocar cabeças em uma década.

BrainBridge: Apresentando o transplante de cabeça humana à sociedade

Compartilhe esta matéria...
Num avanço médico sem precedentes, a BrainBridge revelou um sistema concebido para transplante de cabeça humana, oferecendo uma nova esperança para pacientes com doenças terminais ou deficiências físicas graves.

Esse procedimento inovador, que já foi matéria de ficção científica, foi apresentado ao público pela primeira vez. O sistema BrainBridge conforme relatado no New York Post visa proporcionar uma segunda chance de vida para aqueles cujos corpos falharam, mas cujos cérebros permanecem funcionais.

O procedimento envolve diversas etapas altamente complexas e delicadas.

Primeiro, tanto o doador quanto o receptor são resfriados para minimizar os danos cerebrais. Os cirurgiões então destacam cuidadosamente a cabeça do receptor, preservando o cérebro e a medula espinhal. O corpo do doador é preparado de forma semelhante, cortando a medula espinhal e os principais vasos sanguíneos.

O transplante de cabeça humana
Imagem retirada do vídeo!

A cabeça do receptor é então transplantada para o corpo do doador, sendo o alinhamento preciso das conexões nervosas crucial para o sucesso.

Um desafio significativo neste processo é a recolocação da medula espinhal. BrainBridge utiliza um material biocompatível especialmente projetado que atua como uma estrutura, estimulando o crescimento e a conexão das fibras nervosas. Este material, aliado a técnicas cirúrgicas avançadas e rigorosa reabilitação pós-operatória, visa restaurar as funções motoras e sensoriais da cabeça transplantada.

A introdução deste sistema provocou uma ampla gama de reações. As preocupações éticas sobre a identidade, a definição de morte e as implicações morais de tal procedimento geraram intenso debate. Os críticos argumentam que o procedimento levanta questões significativas em relação ao consentimento, aos impactos psicológicos nos destinatários e ao potencial uso indevido.

O transplante de cabeça humana
Imagem retirada do vídeo!

Há temores de que a tecnologia possa ser usada de forma antiética ou irresponsável, levando a consequências imprevistas.

Apesar dessas preocupações, a equipe do BrainBridge está otimista quanto aos benefícios potenciais. Eles argumentam que para pacientes sem outras opções viáveis, este procedimento poderia proporcionar uma oportunidade única para recuperar as suas vidas. Eles enfatizam as rígidas diretrizes éticas e os rigorosos critérios de seleção em vigor para garantir que o procedimento seja realizado apenas em candidatos adequados.

Até agora, há muito pouca informação para fazer um julgamento confiável. É bem possível que se trate apenas de uma tentativa de atrair investidores.



Sugerimos a leitura das seguintes matérias

Cientistas constroem uma célula artificial que cresce e se replica como uma célula natural

Japão aprova experimentos híbridos entre humanos e animais usando células-tronco

Homem paraplégico caminha novamente graças a uma técnica inovadora

Milagre? Como o tumor cerebral de um padre desaparece logo antes de ser operado



Veja o vídeo:

(Obs: O vídeo está em inglês; porém você pode ativar as legendas em português. (clique aqui e veja como fazer))

Deixe sua opinião nos Comentários!
E compartilhe com seus amigos…

Convidamos você a nos seguir em nossa página no Facebook, para ficar por dentro de todas as novidades que publicamos:

A Chave dos Mistérios Ocultos(clique ou toque para abrir)


Descubra mais sobre A Chave dos Mistérios Ocultos

Subscribe to get the latest posts sent to your email.

Andressa Dal Paz Balbinot
Notícias

Deixe um Comentário